quinta-feira, outubro 12, 2006

Um documento para a História de Sobrado

A Vila de Sobrado. Os mais velhos rir-se-iam da ideia de Sobrado poder vir a ser vila, se esta lhes fosse apresentada há 30 ou 40 anos atrás. Os sinais da "modernidade" constam do projecto legal que fundou a decisão da Assembleia da República. Mas nele constam também outros motivos - e, como não podia deixar de ser - a Festa de S. João. Aqui fica o texto desse diploma.

"PROJECTO DE LEI N.º 49/VIII

ELEVAÇÃO DE SOBRADO, NO MUNICÍPIO DE VALONGO, A VILA

Exposição de motivos

Sobrado é a maior freguesia do concelho de Valongo. Atravessada pelo rio Ferreira, situa-se no extremo nordeste de Valongo, dele distando cerca de 5 km. Tem cerca de 5000 eleitores numa população que ronda 8000 mil habitantes.
A meio do caminho entre a cidade de Valongo e Paços de Ferreira, a freguesia de Sobrado tem conhecido uma senda de progresso.
Denominada Santo André de Sobrado, a freguesia pertenceu até cerca de 1836 - data da formação do concelho de Valongo - ao julgado de Aguiar de Sousa. Sabe-se que a freguesia era então atravessada por uma estrada que ligava o Porto a Guimarães. O milho, o trigo e o vinho constituíam as principais produções dos vários casais que repartiam a terra na freguesia.
De origem antiga, onde ainda hoje se encontram vestígios testemunhos da presença de romanos e mouros, os primeiros registos paroquiais desta freguesia remontam ao ano de 1558.
A festa das Bugiadas em Sobrado, com base numa das mais antigas lendas, é hoje um cartão de visita da freguesia. No dia escolhido para a sua realização - o dia de S. João - acorrem a Sobrado milhares de cidadãos que fazem desta tradição uma das mais peculiares e originais do País.
Uma parte significativa da população hoje ainda se dedica à agricultura. Contudo, a progressiva industrialização da freguesia, nomeadamente com a instalação e desenvolvimento de fábricas de mobiliário e outros, tem contribuído para que a freguesia conheça hoje um surto de desenvolvimento.
Foi este surto de desenvolvimento que possibilitou a integração no mercado de trabalho de centenas de trabalhadores, a maioria com residência na freguesia de Sobrado e no concelho de Valongo que haviam ficado sem o seu posto de trabalho devido ao encerramento de grandes unidades de produção.
O desenvolvimento e o progresso da freguesia aumentarão seguramente com a construção a curto prazo do IC24, que ligará por via rápida o litoral e o interior. Novas unidades industriais se preparam para se instalar na freguesia, que a tornarão mais rica e possibilitarão a criação de mais empregos.
Sobrado caminha a passos largos para um desenvolvimento económico e social, que se traduzirá na maior importância para o concelho e na afirmação de uma nova centralidade na Área Metropolitana do Porto.
Sobrado possui os seguintes equipamentos:
Na área administrativa:
— Sede da junta de freguesia;
— Posto da GNR;
— Posto dos CTT.
Na área de apoio à saúde:
— Uma unidade de saúde que funciona como extensão do Centro de Saúde de Valongo;
— Uma farmácia;
— Consultórios médicos;
Na área da educação e cultura:
— Escola EB 2.3;
— Cinco escolas do ensino básico;
— Uma piscina coberta;
— Creche, jardim de infância e centro de dia.
Na área associativa:
— Associação «A casa do bugio»;
— Casa do Povo de Sobrado;
— Rancho folclórico de Santo André de Sobrado;
— Rancho folclórico da Casa do Povo de Sobrado;
— Clube desportivo de Sobrado;
— União desportiva da Gandra;
— Clube desportivo de Vilar;
— Sociedade columbófila de Sobrado.
Na área de comércio e serviços:
— Uma agência bancária;
— Uma feira semanal;
— Diversos estabelecimentos comerciais, incluindo cafés e restaurantes.
Nestes termos, e nos da Lei n.º 11/82 de 2 de Junho, a freguesia de Sobrado, no município de Valongo, reúne todas as condições para ser elevada à categoria de vila.
Assim, ao abrigo das disposições constitucionais e regimentos aplicáveis, os Deputados abaixo assinados, do Grupo Parlamentar do Partido Socialista, apresentam o seguinte projecto de lei:

Artigo único
É elevada à categoria de Vila a povoação de Sobrado, situada na área do município de Valongo.

Palácio de São Bento, de Dezembro de 1999.— Os Deputados do PS: Afonso Lobão — Artur Penedos — Barbosa Ribeiro — Eduarda Castro — Fernando Jesus — Luís Pedro Martins — Manuel dos Santos e mais duas assinaturas ilegíveis".

3 comentários:

Anónimo disse...

Vou passando por cá, religiosamente, para o ler. Ainda bem que voltou...

"ronda 8000 mil habitantes." Querer-se-á, antes, escrever "ronda os oito mil habitantes" ?

Postos da GNR e dos CTT? Em Sobrado?? Aoooooonde???

;)

Pinto, Fábia disse...

Sobrado é mesmo uma terra caricata. Pelo o andar da carruagem ( que agora já se faz mais rápido por causa do ic24) daqui a 30 anos é cidade... Sao os incontornáveis caminhos da evoluçao... è pena porque aldeia é cada vez mais uma palavra em vias de extinçao...

Anónimo disse...

Sobrado sempre a evoluir!!